Cachoeiras imperdíveis em Minas Gerais

O estado de Minas Gerais é reconhecido por suas belezas naturais, delícias gastronômicas e simpatia do povo Mineiro. O estado que está localizado na região sudeste do Brasil se destaca pelo pão de queijo, suas montanhas e belas cachoeiras. E talvez seja o estado com maior acervo de cachoeiras do país.

Então, selecionamos cinco cachoeiras imperdíveis em Minas Gerais, todas rodeadas por muitas montanhas e mata nativa preservada. Então, o que você está esperando para conhecer toda essa beleza natural? Vem com a gente.

Cachoeiras imperdíveis em Minas Gerais: TOP 5

Se o mineiro não tem praia por perto, o jeito é aproveitar as cachoeiras espalhadas por todo estado. Veja a seguir algumas cachoeiras imperdíveis em Minas Gerais, para que você possa planejar a sua viagem e curtir bastante.

Entre elas destacam-se:

1. Cachoeira do Tabuleiro

Cachoeira do Tabuleiro - Minas Gerais

Abrindo a nossa lista de cachoeiras imperdíveis em Minas Gerais, a Cachoeira do Tabuleiro é a mais alta de Minas Gerais e a terceira maior do Brasil. Ou seja, são 273 metros de queda d’água em uma vista de tirar o fôlego.

O poço da cachoeira tem cerca de 20 metros de profundidade. Portanto, há partes mais rasas que são adequadas para o banho.

2. Cachoeira Casca D’Anta

A segunda da lista das cachoeiras imperdíveis em Minas Gerais, é a cachoeira Casca d’Anta. Considerada uma das atrações da Serra da Canastra, a cachoeira é uma das cinco maiores do Brasil, e com a sua majestosa queda livre de 186 metros de altura, atrai turistas de diversos lugares do país.

Porém, seu poço principal não é recomendado para banho, por ser uma queda d’água muito forte. Mesmo assim, a cachoeira é parada obrigatória para quem vai à Serra da Canastra.

3. Cachoeira da Zilda

A principal atração do complexo que leva o mesmo nome em Carrancas é a cachoeira da Zilda. Logo, para chegar à queda das águas que formam um poço e uma prainha, é preciso atravessar um rio e percorrer uma trilha por quinze minutos.

O espaço ainda conta com outras cachoeiras e um escorregador natural de 10 metros.

4. Cachoeira Alta

A Cachoeira Alta em Ipoema, possui uma queda d’água imponente, despencando de nada menos do que 110 metros de altura. Considerada uma das quedas d’água mais bonitas do estado, a cachoeira Alta é muito procurada por banhistas e por praticantes de rapel.

Está localizada a 95 km de Belo Horizonte, e o acesso é fácil. A cachoeira fica em uma propriedade particular a 11 km de Itabira e a entrada custa em média R$10.

5. Cachoeira Grande

Embora não seja muito alta, com nove metros, a Cachoeira Grande arranca muitos suspiros por sua extensão, de 50 metros. Por esse motivo está entre as cachoeiras imperdíveis em Minas Gerais. As cachoeiras do Tomé, da Chica e do Lajeado também ficam no complexo.

O acesso é muito fácil e a quantidade de visitantes é limitada. Por isso, é bom visitar o local ainda pela manhã, principalmente entre os meses de dezembro e janeiro, quando a frequência de visitantes é alta.

Cachoeiras Imperdíveis em Minas Gerais: Bom será

Finalizamos as nossas dicas de cachoeiras imperdíveis em Minas Gerais com a belíssima Cachoeira do Bom Será.

Então se você está pensando em viajar para São João do Jacutinga, distrito de Caratinga MG, a cachoeira do Bom Será é um lugar muito especial para passar o dia, tomar aquele revigorante banho de cachoeira, almoçar comida de fogão à lenha e curtir o pôr do sol.

Boa viagem!

Abraços!

Precisa de ajuda?
Me chama!

As vezes pode demorar um pouquinho para responder. Se eu souber responder, será um prazer ajudar.

Compartilhe ou salve para ver depois

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Imprimir

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Nesse post
falaremos sobre

Relacionado a
esse assunto

Booking.com

Outros assuntos,
para você se perder

Categorias

Um viajante está visitando agora:

Nossos parceiros de aventura

Segue a gente aí

Dá uma olhada
nesse conteúdo: