Popocatépetl: Cidades em volta do vulcão

Esse conteúdo faz parte do Guia da Cidade do México.
Clique aqui para ver todo o conteúdo.

Destino visitado e verificado
por nossa equipe

Você conhece o Popocatépetl, um dos vulcões mais ativos do México? Não né!

O Popocatépetl é um vulcão ativo a 80 km da Cidade do México. É considerado o 4º mais perigoso do mundo em risco de explosão e extermínio de suas proximidades.

Deve ser por isso que atrai turistas e curiosos que sobem ao seu cume de 5.426 metros de altitude, o segundo maior do México. Existem várias excursões diárias para esse vulcão, inclusive subi nele e recomendo para quem curte aventuras.

Esse vulcão tem um irmão gêmeo, o Iztaccíhuatl com o qual é ligado por uma montanha, a Paso de Cortes.

Vulcão Popocatépetl em erupção

Se isso tudo já não fosse muito maluco, ao longo da encosta do vulcão foram construídos 14 mosteiros no século XVI e eles são maravilhosos e imperdíveis de ser visitados.

Eles foram criados pelos espanhóis para converter os índios nativos ao cristianismo, coisa que no México foi muito intenso e se vê presente no sincretismo religioso ímpar do país. 

 

Os mosteiros do Popocatépetl

Claro que onde havia igreja e missionários, havia oportunidade de crescimento e ganhar dinheiro. No México não foi diferente e em volta dos mosteiros surgiram povoados que foram expandindo e virando cidades.

Com o tempo, as cidades desenvolveram suas tradições, gastronomia, artesanatos ricos, como é muito comum no país.

Resolvi listar 6 cidades que estão próximas ao Popocatépetl e aos mosteiros e que fazem parte da rota vulcânica que é inscrita como Patrimônio Mundial pela UNESCO.

Segue o fio:

Tepoztlán

Tepoztlán, México

Tepoztlán é considerado um dos Pueblos Mágicos do México a beira do Popocatépetl. Diz a lenda que Tepoztlán nasceu do deus serpente dos Astecas.

A cidade está em um vale de onde se vê a colina de Topoztlán e o tempo em seu topo, dedicada a divindade do pulque e que muitos dizem ter energias místicas e revigorantes.

A vida da cidade gira em torno do mercado local que representa muito bem a culinária local, com receitas que sobrevivem desde a época pré-hispânicas com a cultura trazida pelos colonizadores. Tudo com muito milho e ervas da terra.

Na cidade você também conta com um mercado de artesanato muito bacana com artesão fazendo na hora peças para vender. Algumas delas você encontra nos mercados da Cidade do México pelo dobro do preço.

Uma das estruturas legais de se conhecer em Tepoztlán é o Convento de La Natividad e seu museu. Vale a pena a visita e seguir o instagram!

Tlayacapan

Tlayacapan, México

Você ja percebeu que no México toda cidade tem essa plaquinha. Informo que a modernidade em Tlayacapan para por aí. Essa cidade aos pés do Popocatépetl foi esquecida pelo tempo e também é um Pueblo Mágico do México.

Como falamos acima, a história começa com um convento no centro da cidade que hoje conta com um museu super legal com múmias da colonização e estão em um estado de conservação surpreendente. Nele também é possível ver armas e outras coisas dos tempos de nascimento da cidade e da conquista espanhola.

O Convento Agostiniano de San Juan Bautista do século XVI foi declarado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO e na cidade que conserva grande parte de seu traçado de antes da ocupação europeia.

São 18 capelas, muitas coisas bacanas de artesanato com barro, o convento, spas e locais para banho, ecoturismo e etc. Vale passar por essa cidade.

Atlatlahucan

Essa é uma cidadezinha bem pequena, com somente 72 quilômetros quadrados, mas também tem um mosteiro para chamar de seu nessa rota.

Foi na cidade que frades agostinianos fundaram o convento de San Mateo Apóstol y Evangelista no século XVI.

Na região você pode curtir as belezas naturais do local como a Poza Azul, uma nascente de águas cristalinas usada pelos Mexica tlatoanis como local de descanso de inverno.

Essa é mais uma das cidades que estão em volta do vulcão Popocatépetl e faz parte do roteiro dos conventos.

Yecapixtla

Yecapixtla - México

Yecapixtla no México, aos pés do vulcão Popocatépetl, é uma cidade que remonta ao período olmeca, civilização que estiveram na origem da antiga cultura pré-colombiana a 400 antes de Cristo.

Os astecas conquistaram a cidade dos olmecas e impuseram tributos. Quando os espanhóis dominaram os astecas, mantiveram os valores que ajudaram a construir o mosteiro de San Juan foi construído entre 1535 e 1540, tornando-o um dos mais adornados do vale.

Nessa cidade a culinária floresce, principalmente a famosa cecina de Yecapixtla, uma espécie de presunto feito de carve de vaca e muito famoso na região, uma delícia.

Zacualpan de Amilpas

Zacualpan de Amilpas - México

Já que você sabe que esse local também tem história, vou começar ao avesso. 

Em Zacualpan existe uma tradição mantida desde os tempos pré-colombianos que acontece todo domingo: o Zacualpan tianguis ou mercado de troca da cidade.

Nele pouco se compra ou vende com dinheiro, a maioria das coisas é trocada, escambo mesmo.

Antigamente, para que a troca fosse igual usavam a palma de uma mão como unidade de medida: todos os itens que cabiam em uma mão, poderia ser trocado pela mesma quantidade caso ambos os envolvidos concordassem.

Essa medida não vale mais atualmente visto que as pessoas tem uma noção do preço dos itens no mercado local e usam como base de troca, o que nem sempre acontece tão direitinho.

A cidade foi fundada a partir do Convento da Imaculada Conceição, com a ordem agostiniana e cresceu ao redor dele. Também pode ser interessante uma passada na Hacienda de Chicomocelo, construída pelos jesuítas e a igreja Nossa Senhora da Assunção.

Tochimilco

Tochimilco, México

Tochimilco é a cidade mais próxima do vulcão Popocatépetl e a mais vulnerável em caso de uma erupção.

Nessa cidade está um dos mais belos mosteiros franciscanos do México e um dos lugares mais belos para se admirar o vulcão.

O mosteiro datado de 1560 tem aparência de uma fortaleza medieval e está na parte mais alta da cidade com vistas deslumbrantes.

Esse é um dos destinos para amantes de ecoturismo e trilhas e atrai muitos praticantes de cavalgadas, mountain bikes e camping. Existem muitos sítios arqueológicos na região e cachoeiras de tirar o fôlego.

Precisa de ajuda?
Me chama!

As vezes pode demorar um pouquinho para responder. Se eu souber responder, será um prazer ajudar.

Compartilhe ou salve para ver depois

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Imprimir

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Nesse post
falaremos sobre

Relacionado a
esse assunto

Booking.com

Outros assuntos,
para você se perder

Categorias

Um viajante está visitando agora:

Nossos parceiros de aventura

Segue a gente aí

Dá uma olhada
nesse conteúdo: